Contra a Democracia Alfredo Pimenta

ISBN:

Published:


Description

Contra a Democracia  by  Alfredo Pimenta

Contra a Democracia by Alfredo Pimenta
| | PDF, EPUB, FB2, DjVu, audiobook, mp3, ZIP | | ISBN: | 5.64 Mb

«... Democracia cristã- Democracia orgânica- Democracia positiva- Democracia social- Democracia temperada- Democracia liberal- Democracia isto- Democracia aquilo, Democracia aqueloutro, são máscaras do mesmo erro, pseudónimos do mesmo mal, disfarcesMore«... Democracia cristã- Democracia orgânica- Democracia positiva- Democracia social- Democracia temperada- Democracia liberal- Democracia isto- Democracia aquilo, Democracia aqueloutro, são máscaras do mesmo erro, pseudónimos do mesmo mal, disfarces do mesmo cancro: a Democracia.(1)«...

Mas o governo de todos é um mito, porque é o Absurdo. A sociedade é uma realidade- o governo é outra. Não há sociedade sem governo - proclamou-o Augusto Comte. Pode governar um- podem governar alguns- não podem governar todos. A Democracia que é o governo de todos, é conceito essencialmente metafísico, abstracção pura.A Democracia nunca se realizou. Sociedade que tentasse realizá-la suicidar-se-ia. Sociedade a governar-se a si própria nunca existiu, porque a mesma noção de sociedade implica organização e hierarquia, e portanto governantes que mandam, governados que obedecem.

A Democracia é a negação da organização e da hierarquia: todos mandam, todos governam, todos são soberanos. Nunca se viu- nunca se viu- nunca se poderá ver. O mal da Democracia está, antes de mais nada, no mito que a constitui, na mentira que representa, na mistificação idiota que personifica.As massas que são crédulas, ingénuas ou estúpidas.

Os seus exploradores, os que vivem, enriquecem, engordam, trepam e se fazem à custa são os profiteurs da Democracia, tão repelentes e tão sujos, como aqueles cadastrados que vivem à custa das desgraçadas que pertencem a quem as compra.»(2)«... Se a Democracia, sociedade em que todos governam, não existe, que é existe com o nome de Democracia?

Existe a sociedade em que alguns se governam - mentindo, iludindo, sofismando, arrastando o Povo atrás da sua mentira, levando-o, cego e surdo, atrás de uma ilusão!As massas não raciocinam: crêem. E quanto mais compactas e mais numerosas são, mais obtusa e irreflectida e infantil é a sua crença.Não há almas colectivas, não há razões colectivas, não há inteligências colectivas. As massas têm instintos, não têm Razão- têm reflexos, não têm discernimento. Porque as seduz à Democracia? Porque as encanta o Comunismo? Precisamente, porque são bárbaros e absurdos.Mas essas Democracias que por aí passeiam a sua vida, que são afinal?

São burlas escandalosas e é a sua qualidade de burlas que devem o poder viver.São sociedades de negócios, materialistas, e jogadoras da vermelhinha - em que, repito, alguns se governam... São aristocracias de videirinhos. Eles sabem, como todos nós sabemos, que a Liberdade, a Igualdade, a Fraternidade são entre os homens, mistificações, nuns, superstições, noutros. E gritam, e trombeteiam às massas, nos comícios e nos Parlamentos, nas campanhas eleitorais e nas alfurjas, nas gazetas e nos conclaves internacionais: Liberdade! Igualdade! Fraternidade! (Alfredo Pimenta)



Enter the sum





Related Archive Books



Related Books


Comments

Comments for "Contra a Democracia":


crazysaddam.com

©2012-2015 | DMCA | Contact us